POLÍTICA – Mandetta é ‘demitido’ de cargo no Senac e espera autorização para voltar a trabalhar

Mandetta foi substituído pelo ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas

Depois da divulgação de que o ex-ministro Luiz Henrique Mandetta ainda integrava o Conselho Fiscal do Serviço Nacional de Aprendizagem, o Senac, o Ministério da Economia fez a substituição de alguns nomes do Sistema ‘S’ nesta terça-feira (12). Mandetta foi substituído pelo ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.

Segundo a revista Veja, as reuniões do Conselho Fiscal do Senac costumam acontecer uma vez por mês e cada encontro rende um pagamento de R$ 21 mil. Chamada de jeton, a gratificação não conta para o teto constitucional, assim o salário do participante pode ser incrementado acima dos R$ 39 mil previstos por lei como limite.

Para Mandetta, a demissão “é natural”. “Quando a gente é designado para lá, é porque aquela cadeira é do governo federal. Então, o governo indica quais são os membros que vão fazer análise desses referidos conselhos. Eu não estou mais no governo. Eu até estranhei, porque uma semana atrás me ligaram e eles ainda não haviam me substituído. Eu pensei que fossem me substituir no mesmo dia em que eu saí”, afirmou à revista Veja.

O ex-ministro destaca que sua preocupação é com a Comissão de Ética da Presidência, que ainda não informou se ele pode voltar a trabalhar ou se tem de ficar em quarentena, direito de ex-ministros que podem continuar recebendo durante seis meses depois que deixam o cargo, uma espécie de auxílio-desemprego de luxo.

“A questão do Senac é o de menos. É protocolar, não se espera nada nesse sentido. O que eu estou aguardando ainda é a manifestação da Comissão de Ética para saber o que eu posso fazer, se eu posso trabalhar, se posso abrir assessoria, dar consultoria. Se eles falarem que eu não posso, vou ter de solicitar a quarentena. Mas eu não quero. Eu quero trabalhar”, afirmou.

Mandetta pensa em trabalhar na elaboração de regulamentos sanitários para definir regras de biossegurança que permitam a volta à normalidade após a pandemia do novo coronavírus. “Imagina como serão os shows, como será para abrir os estádios de futebol.  Isso tudo vai implicar ter muito cuidado com biossegurança, com protocolos. É uma coisa que a gente tem condição de fazer. Quero só poder trabalhar. Já está bom”, disse à Veja.

Sobre Noticidade Brasil 7420 Artigos
Noticidade Brasil é um portal de noticias que veio com a ideia de levar a informação de modo rápido e de fácil acesso ao publico. Contamos com uma equipe totalmente qualificado e com parceiros que estão aptos a nós ajudar levar a informação até você. Noticidade Brasil, a notícia a um clique de distancia.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*